FGTS Prorrogado? Saque até 31 de dezembro de 2018

Muita gente aproveitou a oportunidade de poder sacar o FGTS das contas inativas que foi liberado pelo governo, porém, uma parcela da população não conseguiu sacar no prazo estipulado que era até 31 de julho, por isso, este prazo foi ampliado. Com o prazo do FGTS prorrogado você ainda realizar o saque.

Prorrogação do prazo de retirada do FGTS

Inicialmente o prazo era até 31 de julho, mas foi prorrogado pelo governo até a data de 31 de dezembro de 2018. No entanto, o prazo esticado vale somente para uma parte da população. É importante deixar claro que esse não é um novo saque das contas inativas e sim um novo prazo para quem não teve possibilidade de sacar antes. Saiba como consultar seu saldo aqui.

Publicidade

Quem pode sacar até 31 de dezembro de 2018?

Esta prorrogação valerá somente para a população que teve alguma doença ou que esteve recluso sob regime fechado no período em que foram realizados os saques e que não puderam comparecer pessoalmente. Assim, o restante da população está fora dos requisitos do prazo prorrogado.

Como sacar o FGTS prorrogado

Para conseguir sacar deverá ser feito um pedido nas agências da caixa. Para quem estava doente é necessário apresentar o atestado médico para comprovar a sua impossibilidade no período em que houve o saque.

Publicidade

Para as prisões no regime fechado é preciso apresentar uma certidão em nome do titular da conta do FGTS que pode ser obtida na vara de execução penal ou criminal ou então no juízo em que foi decretada a prisão.

Quem pode fazer o saque prorrogado do FGTS?

Saiba quem tem direito ao saque prorrogado do FGTS:

Publicidade
  • Pessoas que estiveram privadas de liberdade durante o período normal do calendário de saques e
  • Pessoas que estiveram acometidas de doenças que impossibilitaram o deslocamento até os locais no período de saque do Fundo de Garantia das contas inativas.

Procedimentos e documentos para o saque

As pessoas que estão enquadradas nas condições acima para a prorrogação do saque dos recursos deve seguir alguns passos e providenciar alguns documentos para que seja possível receber. Saiba como proceder:

  • Apresentar certidão, nominal ao titular da conta do Fundo de Garantia, emitida pela vara de execução penal, criminal ou pelo juízo que decretou a prisão (pessoas privadas de liberdade) ou
  • Apresentar atestado médico comprovando a condição de saúde (pessoas acometidas de moléstias que impossibilitaram o deslocamento);
  • Providenciar um documento de identificação com foto;
  • Providenciar o número do NIS/NIT ou PIS (é o mesmo número, apenas aparece em documentos diferentes, na Carteira de Trabalho, no Cartão do Cidadão ou no Cartão do Bolsa Família);
  • Após providenciar essa documentação, solicitar o saque em uma agência da Caixa.

Veja seu saldo aqui

Se você se enquadra nesta situação, providencie a documentação necessária e faça seu saque, afinal, o saque das contas inativas é um direito seu e de todo cidadão trabalhador. Porém, antes de tentar fazer seu saque, consulte seu saldo. De nada adianta você estar enquadrado nos requisitos para o saque e não ter saldo na conta FGTS para sacar. Clique aqui para consultar seu saldo.

Se preferir, veja o calendário de saque do PIS 2018.

FGTS Prorrogado? Saque até 31 de dezembro de 2018
3.8 (76.33%) 60 votes

Pin It on Pinterest

Compartilhe