Cálculo de Rescisão – Descubra como calcular FGTS

A demissão sem justa causa gera alguns direitos para o trabalhador. Além do seguro desemprego, a possibilidade de saque do FGTS é outro direito ligado a isso. Você pode consultar o saldo do seu FGTS através de nosso site, mas você sabe como é feito cálculo de rescisão para o seu FGTS? Conhecer como é feito o cálculo é importante para verificação de valores. Conheça agora o seu cálculo rescisão e acabe com suas dúvidas com relação ao valor depositado em seu nome, na conta do FGTS.

Faça o cálculo FGTS agora

O cálculo do FGTS é simples de ser realizado. Você já sabe que o valor base a ser utilizado é o valor total que está em sua folha de pagamento, sem nenhum tipo de desconto.

Publicidade

Esse valor, na razão de 8%, é o que deverá ser depositado, mensalmente, a título de FGTS, em conta específica em seu nome na Caixa Econômica.

O cálculo fica assim, imaginando que o valor em sua folha de pagamento fosse de R$ 3.000,00: 3.000,00 x 8 = 24.000,00 /100 = 240,00. Então, para efeitos de cálculo de FGTS, o depósito mensal deverá ser de R$ 240,00. Caso você tenha trabalhado 11 meses, por exemplo: 240 x 11 = 2.640. O seu FGTS é de R$ 2.640,00, para o cálculo de rescisão, caso sua demissão tenha sido sem justa causa. Consulte seu saldo FGTS agora.

Publicidade

TUTORIAL: APRENDA COMO CONSULTAR SEU FGTS COM NOSSO TUTORIAL!

E se não houver saldo de FGTS?

O valor depositado mensalmente em seu nome, em conta específica do FGTS, é administrado pela Caixa Econômica e utilizado pelo Governo Federal para inúmeros fins. Normalmente, o governo utiliza para fins sociais, como o financiamento de obras para prefeituras. Também, o financiamento de empresas, através do BNDES, pode ser realizado com os recursos do Fundo de Garantia, assim como o financiamento de moradias. Assim, apesar de ser seu, o recurso é utilizado pelo Brasil afora, gerando desenvolvimento.

O responsável pelo depósito mensal em sua conta é o seu empregador. Ele, além do depósito, deve comunicar o Governo Federal e a Caixa se você continua sendo seu colaborador ou houve dispensa e, nesse caso, a modalidade de dispensa.

Publicidade

A modalidade de dispensa deve ser comunicada pois é o fato gerador para o seu saque do FGTS ou não. Por outro lado, caso os depósitos não tenham sido realizados pelo seu empregador, não haverá como realizar o saque, pois o saldo é fruto, unicamente, desses depósitos.

Qual o valor utilizado para o cálculo?

O valor base utilizado para o cálculo de rescisão é o total de todas as receitas recebidas pelo trabalhador. Ou seja, o valor bruto constante em folha de pagamento.

Isso quer dizer que horas extras, férias, horas noturnas e outros adicionais, como, por exemplo, o de insalubridade ou de periculosidade fará parte do cálculo rescisão do valor disponível para saque na conta FGTS.

O trabalhador deve ficar atento para esses valores, não permitindo nenhum depósito com valores diferentes do que foi descrito aqui. Valores com base em registro em carteira, por exemplo, caso sejam diferentes do que é pago em folha poderá causar prejuízos ao trabalhador futuramente.

Publicidade

Cálculo de Rescisão – Descubra como calcular FGTS
3.9 (77.75%) 80 votes

Pin It on Pinterest